Bacharelado em Engenharia Agronômica

Imprimir

Sobre o curso

O curso de Engenharia Agronômica do CESVASF foi criado com o objetivo principal de formar profissionais da área de ciências agrárias com ética, capazes de desenvolver de forma sustentável, a produção agrícola e pecuária da região do Vale do São Francisco e demais localidades. Com a necessidade atual do mercado agrícola brasileiro, bem como nos fomentos de tecnologias inovadoras e de pesquisas científicas que possam otimizar a qualidade de todo o sistema produtivo agropecuário, o curso surge como uma oportunidade de qualificar os a mão de obra do Vale do São Francisco.

Autorização: CEE/PE através do Parecer Nº 064/2019-CES.

Modalidade: Presencial, na cidade de Belém do São Francisco/PE

Duração:

mínima - 5 anos (10 semestres)

máxima - 7,5 anos (15 semestres)


Organização das aulas

Aulas teóricas – Noturno

Práticas (em campo) – Diurno (Sábados)

Laboratoriais – Noturno ou Diurno


Data comemorativa do Engenheiro Agrônomo: 12 de outubro


Perfil do Egresso


O profissional formado no Curso de Engenharia Agronômica no CESVASF deverá desenvolver condutas e atitudes com responsabilidade técnica e social, tendo como princípios, o respeito à fauna e à flora; a conservação e recuperação da qualidade do solo, do ar e da água; o uso tecnológico e racional, integrado e sustentável do ambiente; o emprego de raciocínio reflexivo, crítico e criativo e o atendimento às expectativas humanas e sociais no exercício das atividades profissionais.

Coordenação


Elton Carlos Pereira Vieira de Alencar Teles possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE, Mestrado em Engenharia Agrícola (Engenharia da água e do solo) pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF). Atua nos seguintes temas: Gestão da água na irrigação com manejo via informações agroclimáticas e de umidade do solo, movimento da água no solo, avaliação de sistemas de irrigação, sistema água - solo - planta e atmosfera, uso de água salina, salinidade do solo e física do solo. Além disso, atua também em pesquisas sobre agroecologia, manejo da água em sistemas de produção agroecológico no Semiárido e gestão de risco e toxicologia ocupacional, com ênfase na saúde e segurança do trabalhador rural. Atualmente é coordenador e professor do curso de Engenharia Agronômica do CESVASF. 
ORCID: https://orcid.org/0000-0003-2066-2215

Texto informado pelo autor

Atuação Profissional


O engenheiro agrônomo formado pelo CESVASF atuará nos campos gerais do ensino, pesquisa e extensão. É de competência do Bacharel em Engenharia Agronômica planejar, executar, ensinar e fiscalizar atividades ligadas à pesquisa, ensino e extensão, nas seguintes áreas:


Fitotecnia – Uso de métodos e técnicas propagação vegetativa, adubação, cultivo protegido, consorciado, manejo de plantas daninhas e controle de pragas e doenças de modo a otimizar da produção na fruticultura, horticultura, silvicultura, floricultura e forragicultura.

Engenharia de água e solo – elaboração, implantação e execução de projetos para abastecimento de água, irrigação, drenagem, geração de energia no meio rural, preservação dos recursos naturais e controle de rejeitos domésticos e agroindustriais.

Zootecnia  Espécies de interesse zootécnico e locais de origem, domesticação, adaptação e aptidão econômica pelos povos. Ezoognósia, caprino, ovino, suíno, bovino, avícola e equina.

Máquinas e Mecanização agrícola – Seleção, operacionalização e racionalização de equipamentos para preparo do solo sem provocar a degradação, plantio, cultivo, controle fitossanitário, colheita e transporte de produtos derivados da agropecuária.

Construções e ambiência rural – Classificação e utilização de materiais para construção, planejamento, projeto, orçamento e acompanhamento em construções de instalações agroindustriais, unidades de estocagem de matéria prima, centros de processamentos de produtos agropecuários, habitações rurais, eletrificação rural, unidades de tratamento de resíduos orgânicos rurais e agroindustriais, garantindo o controle da poluição e seus reaproveitamentos para fins agropecuários.

Processamento e armazenamento de grãos e de produtos perecíveis – Instalações e equipamentos para beneficiamento, conservação e estocagem de produtos de origem agropecuária.

Agronegócio e empreendedorismo rural – Análise de cadeia de comercialização dos produtos agropecuários, elaboração de planos para negócios, criação de tabelas com custos de produção agropecuária, gestão de empresa rural e formação logística de empresas do ramo agropecuário.

Agrometeorologia – Levantamento e interpretação de dados climáticos, previsão do tempo e previsão e planejamento das plantações agrícolas.

Topografia e Agrimensura – Levantamentos e estudos planialtimétricos, divisão, demarcação e avaliação de áreas rurais.

Sensoriamento Remoto – Interpretação de fotografias aéreas e de imagens de satélite aplicada à agricultura e aos recursos naturais.

Energia Alternativa – Projetos, estudos e cálculos, instalações e aproveitamento racional das fontes produtoras de energia limpa e aplicações do laser.

Mercado de Trabalho


Em razão da grande potencialidade que a agricultura oferece a economia do Brasil, o país tem uma diversidade em climas, com predominância ao subtropical, as áreas de mercado de trabalho do Engenheiro Agrônomo são bastante versáteis e dinâmicas. Lista-se abaixo algumas das áreas de mercado de trabalho para o engenheiro agrônomo:

- Produção de sementes

- Produção de mudas

- Defesa Fitossanitária

- Extensão Rural

- Agroecologia

- Agronegócio

- Perito Agropecuário

- Coordenador de fazendas

- Indústria de alimentos

- Projetos Agropecuários

- Pesquisas agropecuárias

- Docência

Corpo Docente

  

Nome

Titulação

Lattes

Elton Carlos Pereira Vieira de Alencar Teles

Mestre em Engenharia Agrícola

http://lattes.cnpq.br/0061959643338654

Tatiane Gomes Calaça Menezes

Doutora em Biologia Vegetal

http://lattes.cnpq.br/4564273798202760

Osmar Cordeiro de Oliveira

Mestre em Matemática

http://lattes.cnpq.br/2529466899105846

Érika Janaína Rodrigues Barbosa

Mestranda Recursos Naturais do Semiárido

http://lattes.cnpq.br/8034369476112932

Francisco de Assis Martins Júnior

Especialista

Jussilmar de Sá Tôrres

Especialista

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4359935H

Jonas Araújo Candeia

Mestre em Horticultura

http://lattes.cnpq.br/0318957039671922

Ana Gleide Souza Leal

Mestre em Letras

http://lattes.cnpq.br/0381751213743117

Jackson de Menezes Barbosa

Doutorando em Biotecnologia

http://lattes.cnpq.br/6897323793042706

Laudelina Rodrigues de Magalhães

Doutora em Química

http://lattes.cnpq.br/9896849841237839

Organização Curricular


As disciplinas foram elaboradas de acordo a atual Resolução nº 2, de 24 de abril de 2019, que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Engenharia Agronômica ou Agronomia. 

 RESUMO DE DISTRIBUIÇÃO DA CARGA HORÁRIA DO CURSO

Carga Horária Disciplinas Obrigatórias

3240 h

Carga Horária Disciplinas Optativas

225 h

CARGA HORÁRIA TOTAL DISCIPLINAS

3465 h

Carga Horária do Estágio Curricular Supervisionado

300 h

Carga Horária do Trabalho de Conclusão de Curso - TCC

90 h

Atividades Complementares

200 h

CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO

4055 h

 

Matriz Curricular


1º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

 

INTRODUÇÃO À ENGENHARIA AGRONÔMICA

2

1

45

-

 

MATEMATICA I

4

-

60

-

 

DESENHO TÉCNICO

2

2

60

-

 

ECOLOGIA GERAL

2

2

60

-

 

QUÍMICA GERAL E ORGÂNCIA

4

0

60

-

 

ZOOLOGIA AGRÍCOLA

4

-

60

-

 

PORTUGUÊS INSTRUMENTAL

2

-

30

-

 

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

2º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

MATEMÁTICA II

4

0

60

-

FISIOLOGIA VEGETAL

3

1

60

MORFOLOGIA VEGETAL

3

1

60

-

TOPOGRAFIA

2

2

60

-

SOCIOLOGIA RURAL

3

0

45

QUÍMICA ANALÍTICA

3

1

60

-

METODOLOGIA DA PESQUISA CIENTÍFICA

2

0

30

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

3º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

ESTATÍSTICA GERAL

3

0

45

-

MICROBIOLOGIA GERAL

1

1

30

GEOLOGIA APLICADA A PEDOLOGIA

3

1

60

-

INFORMÁTICA E AUTOMAÇÃO RURAL

1

1

30

-

ÉTICA PROFISSIONAL DA AGRONOMIA

2

0

30

-

BIOQUÍMICA VEGETAL

3

1

60

FÍSICA APLICADA À AGRICULTURA

4

0

60

-

BOTÂNICA SISTEMÁTICA

3

1

60

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

4º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

ESTATÍSTICA EXPERIMENTAL APLICADA A AGRICULTURA

3

0

45

-

GENÉTICA GERAL

2

0

30

CIÊNCIAS DO SOLO

2

1

45

-

CONSTRUÇÕES RURAIS

2

1

45

-

PROJETOS DE ENERGIAS RENOVÁVEIS

2

1

45

-

MECÂNICA DOS SÓLIDOS

3

0

45

INTRODUÇÃO À MECANIZAÇÃO AGRÍCOLA E LOGÍSTICA

2

1

45

-

AGROMETEOROLOGIA

2

1

45

-

FENÔMENO DOS TRANSPORTES

2

0

30

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

5º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

HORTICULTURA GERAL

2

1

45

-

MELHORAMENTO VEGETAL

3

0

45

-

FÍSICA DO SOLO

2

1

45

-

HIDRÁULICA AGRÍCOLA

3

1

60

-

AGROECOSSISTEMAS SUSTENTÁVEIS

1

1

30

-

CIÊNCIAS DOS MATERIAIS

3

0

45

MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS

3

1

60

-

AVALIAÇÃO E PERÍCIAS RURAIS

3

0

45

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

6º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

FUNDAMENTOS DE FITOPATOLOGIA

4

0

60

-

PRODUÇÃO E TECNOLOGIA DE SEMENTES

2

1

45

QUÍMICA, FERTILIDADE E ADUBAÇÃO DO SOLO

3

1

60

-

HIDROLOGIA AGRÍCOLA

3

0

45

-

IRRIGAÇÃO E DRENAGEM

3

1

60

-

ENTOMOLOGIA AGRÍCOLA

3

1

60

-

OPTATIVA I

2

1

45

-

 

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

7º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

FITOPATOLOGIA APLICADA

3

1

60

-

OLERICULTURA

3

1

60

DIREITOS HUMANOS

2

0

30

ADMINISTRAÇÃO E EMPREENDEDORISMO RURAL

2

0

30

-

FUNDAMENTOS DE ZOOTECNIA

3

0

45

-

MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS

2

1

45

-

ALGORÍTIMO E PROGRAMAÇÃO

1

1

30

-

EXTENSÃO RURAL

2

0

30

-

OPTATIVA II

2

1

45

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

8º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

ZOOTECNIA ESPECIAL

2

1

45

-

HISTÓRIA E CULTURA AFRO BRASILEIRA

2

0

30

FORRAGICULTURA E PASTAGENS

2

1

45

ECONOMIA RURAL

3

0

45

-

SENSORIAMENTO REMOTO

3

0

45

-

TECNOLOGIA DE PRODUTOS AGROPECUÁRIOS

1

1

30

-

MANEJO E CONSERVAÇÃO DA ÁGUA E DO SOLO

2

1

45

-

ELETRIFICAÇÃO RURAL

3

0

45

-

OPTATIVA III

2

1

45

-

TOTAL

20

05

375

*Atividades Complementares = 20h


 

9º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO I

0

10

150

-

MONOGRAFIA I

2

0

30

-

FRUTICULTURA

3

1

60

-

RECUPERAÇÃO DE SOLOS SALINOS E SÓDICOS

2

1

45

CULTURA DO FEIJÃO, MILHO, ARROZ, BATATA, SORGO E CANA DE AÇUCAR

2

2

60

-

PLANTAS ESPONTÂNEAS E MÉTODO DE CONTROLE

3

1

60

-

OPTATIVA IV

2

1

45

 

TOTAL

12

15

450

 

*Atividades Complementares = 20h


 

10º PERÍODO

CÓDIGOS

DISCIPLINAS

CRED.

C.H.

PRÉ-REQUISITO

T

P

ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II

10

0

150

-

MONOGRAFIA II

0

4

60

-

FLORICULTURA, PLANTAS ORNAMENTAIS E PROJETOS PAISAGÍSTICOS

2

1

45

SILVICULTURA

3

1

60

-

FISIOLOGIA E MANEJO PÓS-COLHEITA

2

1

45

-

OPTATIVA V

2

1

45

-

TOTAL

19

08

405

*Atividades Complementares = 20h


DISCIPLINAS OPTATIVAS

DISCIPLINA

CRED.

C.H

PRÉ-REQUISITO

T

P

PROJETOS DE AUTOMAÇÃO EM SISTEMAS AGROPECUÁRIOS

2

1

45

NOÇÕES DE DIREITO AMBIENTAL

2

1

45

APICULTURA E MELIPONICULTURA

2

1

45

FUNDAMENTOS DA CARTOGRAFIA

2

1

45

CAPRINOVINOCULTURA

2

1

45

ASSOCIATIVISMO E COOPERATIVISMO RURAL

2

1

45

MARKETING, COMERCIALIZAÇÃO E LOGÍSTICA

2

1

45

FUNDAMENTOS DO AGRONEGÓCIO

2

1

45

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

2

1

45

LIBRAS

2

1

45

GESTÃO E LICENCIAMENTO AMBIENTAL

2

1

45

PLANTAS MEDICINAIS E AROMÁTICAS

2

1

45

PRODUÇÃO EM SISTEMA HIDROPÔNICO

2

1

45

GEOPROCESSAMENTO E GEOREFERENCIAMENTO

2

1

45

MANEJO DA IRRIGAÇÃO

2

1

45

CONTROLE BIOLÓGICO DE PRAGAS E DOENÇAS

2

1

45

 


DISCIPLINAS OPTATIVAS

CÓDIGO

DISCIPLINA

CRED.

C.H

PRÉ-REQUISITO

T

P

PROJETOS DE AUTOMAÇÃO EM SISTEMAS AGROPECUÁRIOS

2

1

45

NOÇÕES DE DIREITO AMBIENTAL

2

1

45

APICULTURA E MELIPONICULTURA

2

1

45

FUNDAMENTOS DA CARTOGRAFIA

2

1

45

CAPRINOVINOCULTURA

2

1

45

ASSOCIATIVISMO E COOPERATIVISMO RURAL

2

1

45

MARKETING, COMERCIALIZAÇÃO E LOGÍSTICA

2

1

45

FUNDAMENTOS DO AGRONEGÓCIO

2

1

45

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

2

1

45

LIBRAS

2

1

45

GESTÃO E LICENCIAMENTO AMBIENTAL

2

1

45

PLANTAS MEDICINAIS E AROMÁTICAS

2

1

45

PRODUÇÃO EM SISTEMA HIDROPÔNICO

2

1

45

GEOPROCESSAMENTO E GEOREFERENCIAMENTO

2

1

45

MANEJO DA IRRIGAÇÃO

2

1

45

CONTROLE BIOLÓGICO DE PRAGAS E DOENÇAS

2

1

45